Dicas Gestão de Pessoas

Banco de horas: vale a pena optar por ele na empresa?

Escrito por HCM

O banco de horas é uma forma de compensação do período em que os colaboradores de uma empresa atuam além de sua jornada regular. Ele gera o direito de ausentar-se do trabalho em período equivalente ao tempo extra trabalhado, em datas pré-acordadas com o empregador.

Importante para a gestão do tempo e das rotinas de trabalho da organização, o banco de horas ainda não é corretamente compreendido e administrado por todas as empresas. Além da perda de produtividade, isto pode gerar demandas trabalhistas, com prejuízos financeiros.

É por isso que vamos explicar neste post exatamente como funciona o banco de horas. Confira!

O que é o banco de horas?

O banco de horas é um sistema de registro e gestão das horas trabalhadas pelos colaboradores da empresa além da jornada regular. Ele prevê a compensação deste tempo extra com a redução da jornada futura, em um período previamente combinado entre as partes.

A lei nº 9601 de 1998 é a responsável por regular o banco de horas que, por sua vez, foi estabelecido pelo artigo 59 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Em seguida, a reforma trabalhista, vigente desde novembro de 2017, promoveu algumas mudanças na forma de acerto entre empregador e empregado.

Agora, não há mais necessidade da intervenção do sindicato para negociar a compensação do banco de horas, como ocorria anteriormente. Porém, o tempo para realizar este acerto diminuiu de um ano para seis meses.

Como gerenciar o banco de horas?

A área de Recursos Humanos da empresa é quem, geralmente, fica responsável pelo controle do banco de horas. Ela define em quais situações é vantajoso para a empresa o pagamento das horas extras ou a compensação das horas a mais trabalhadas.

O controle do banco de horas pode ocorrer por meio de um sistema, onde são concentradas as informações sobre a jornada de trabalho dos colaboradores. Sua vantagem é o fato de ser atualizado automaticamente, o que pode gerar um controle maior nos dados.

Ou seja, possível utilizar softwares e aplicativos que automatizam o controle do banco de horas. Eles podem ser integrados ou não a outros sistemas da empresa, como a folha de pagamento, por exemplo, facilitando a gestão como um todo.

Importante salientar que o banco de horas não isenta a empresa de cumprir a legislação vigente no que se refere à jornada de trabalho, que segue sendo de até 8 horas por dia com, no máximo, duas horas extras.

Quais as vantagens do banco de horas?

Com uma boa gestão do banco de horas, tanto a empresa quanto os colaboradores saem ganhando. Confira:

Vantagens para a empresa

Para a empresa, uma boa gestão do banco de horas representa redução de custos. A ferramenta é essencial para controlar e reduzir as despesas com horas extras. Além disso, facilita a gestão do tempo trabalhado por cada colaborador, podendo garantir ganhos de produtividade.

A boa gestão do banco de horas permite, por exemplo, identificar setores sobrecarregados e verificar quais são os picos e gargalos de produção. Assim, é possível reorganizar os processos de trabalho para melhorar o desempenho.

Vantagens para os colaboradores

Para o colaborador, o banco de horas é uma oportunidade para que ele se programe de forma a desfrutar de folgas em períodos nos quais, regularmente, não teria direito. Dessa forma, ele pode organizar suas tarefas pessoais sem faltar ao trabalho.

Estas são algumas dicas para melhor utilizar o banco de horas na gestão do tempo excedente trabalhado pelos colaboradores. Avalie, agora, a melhor forma de implantá-lo no seu negócio.

Você ainda considera o número de horas extras realizadas em sua empresa elevado? Deseja conhecer outras ações de gestão que podem ser efetuadas a fim de reduzir ou evitar a quantidade de horas extras? Confira este post e descubra o que fazer para obter melhores resultados na gestão deste problema.

E para se focar no que realmente interessa, é de se avaliar a terceirização de alguns serviços. 

A HCM Consulting possui uma equipe altamente capacitada e com experiência de mercado que você pode contar. Conheça agora o nosso serviço de Terceirização da Folha de pagamento  e garanta, também, a entrega dos dados para o eSocial de forma correta.

Sobre o autor

HCM

O Grupo HCM presta serviços atualmente em duas linhas de negócios: HCM Consulting e HCM Terceirização.

HCM Consulting: Serviço de consultoria, desenvolvimento, capacitação e desenho de processo no produto Totvs HCM – Linha Datasul. Além disso somos especialistas em eSocial tendo solução própria de Mensageria.

HCM Terceirização: Possuímos uma estrutura robusta para o processamento da folha de pagamento. Atendendo a todos os ERPs do mercado, garantimos o atendimento das obrigações legais e recolhimento dos tributos, incluindo principalmente as exigências do eSocial.

E vamos além, fornecemos uma completa tecnologia de acesso as informações através de ferramentas web que permitem que os gestores vejam os dados de sua equipe, como organograma, programação de férias, gestão do ponto, entre outros. O próprio colaborador tem acesso ao Envelope de Pagamento Digital, Informe de Rendimento, Solicitação de Férias e Banco de Horas.

Deixar comentário.

Share This